Nibiru

Nibiru
Órbita de 3.600 anos

domingo, 25 de novembro de 2012

Mateus 24, O Recomeço de tudo


“Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.”
Isaías 65:17

Fernando Guedes de Mello, Om / Giradhan



     Comecemos por uma declaração de princípio: o fim de tudo na vida já traz em si o início do novo. Com o nosso mundo, individual ou coletivamente falando, não há de ser diferente.    

     A seguir, alguns comentários especulativos a passagens do capitulo 24 do evangelho de Mateus, à luz do que sabemos hoje:

“Haverá então grande aflição como nunca houve desde o início do mundo até agora e nunca mais haverá. Se aqueles dias não fossem abreviados, ninguém escaparia. Mas, por causa dos eleitos, eles serão abreviados.” (Mt 24,21-22)

Os que acompanham a passagem de Nibiru através do sistema solar parecem concordar a respeito das fortes perturbações observadas até agora no movimento dos grandes planetas externos (Júpiter, Saturno, Urano e Netuno) em suas órbitas, ainda que breves. Uma espécie de “chega pra lá” em conseqüência dos efeitos magnético e gravitacional de Nibiru sobre eles. Nibiru tem quatro vezes o tamanho de Júpiter, o maior planeta do sistema solar, e dentro em breve poderá ser visto a olho nu em sua viagem de retorno ao redor do Sol. Sua distância mais próxima da Terra se dará exatamente no dia 21/12/2012, data do Solstício de Inverno no Hemisfério Norte.

A brevidade da passagem de Nibiru e seu alto poder de destruição confirmam as profecias acima. Fala-se atualmente em três dias de escuridão.
Detectado por telescópios, levou a NASA a lançar uma sonda espacial que levantou dados sobre o seu tamanho, órbita, etc., cujas conclusões se tornaram “segredo de Estado” [Os canais de TV por assinatura (National Geografic, Discovery e History) resistiram enquanto puderam, mas os documentários “comprometedores” foram desaparecendo paulatinamente. Restou a Internet, onde ainda podem ser vistos alguns vídeos de entrevistas e palestras altamente reveladores a respeito; mas há que garimpar...].

Não se trata de um planeta, mas de uma anã-vermelha, uma estrela relativamente pequena e fria que não chegou a se inflamar. Uma “brasa” cósmica! Nibiru tem uma longa órbita de 3660 anos em torno do Sol, inclinada de 35o em relação à eclíptica dos planetas. Sua última passagem antes da atual pelo sistema solar provocou a mega-erupção vulcânica na ilha de Thera, atual Santorini, que explodiu literalmente, provocando um tsunami que varreu o Mediterrâneo no século XVI a.C. As cinzas da erupção cobriram o Hemisfério Norte, provocando vários dias de escuridão e devastando pastagens e plantações.

Conseqüentemente foi um período de grandes migrações no planeta. Por exemplo: as tribos arianas nômades da Ásia Central invadiram o território indiano, assentando-se ao longo do rio Ganges e expulsando os drávidas de pele escura para o Sul da Índia, divisão racial esta visível até os dias de hoje; os povos semitas, que haviam imigrado para o fértil vale do rio Nilo no Egito, voltaram para a terra de seus ancestrais. Entre esses últimos, estavam-se os hebreus. “As dez pragas no Egito” das narrativas do Livro do Êxodo inspiraram-se provavelmente nesses acontecimentos históricos que atingiram o vale do Nilo.

A cada passagem, Nibiru encontra a Terra numa determinada posição orbital que, desta feita, indica uma proximidade nunca antes vista, confirmando os dizeres da profecia em Mateus.

*


“Depois da aflição daqueles dias, o Sol ficará escuro, a Lua perderá sua claridade, as estrelas cairão do céu e as potencias celestes serão abaladas. Aparecerá, então, no céu o sinal do Filho do Homem.” (Mt 24, 29-30).

É claro que nada disso acontecerá nesses astros, mas sim como serão vistos daqui por uma Terra convulsionada. Os efeitos de Nibiru sobre a crosta terrestre já se fazem sentir com a intensificação de terremotos e tsunamis, em grau e freqüência crescentes. Isto também foi antevistos em Mt 24,7, além da ocorrência e rumores de guerras. Pode ter agravado o poder destrutivo dos furacões, como o Katrina e o Sandy, cujo furor até agora havia sido atribuído exclusivamente ao efeito estufa decorrente da poluição da atmosfera.


Destaque também para a temporada de tornados nos Estados Unidos que atingiu vários Estados do meio-oeste e cuja destruição não se tem notícia em toda sua história. Com a passagem de Nibiru mais próxima da Terra são esperados efeitos mais devastadores com alterações profundas do próprio Mapa Mundi. O Sol e a Lua ficarão obscurecidos devido à poluição da atmosfera, decorrente da intensificação das erupções vulcânicas por toda parte, principalmente no chamado “círculo de fogo” do Oceano Pacífico.
Uma das mudanças esperadas com a proximidade de Nibiru será na órbita da Lua em volta da Terra. De circular que é normalmente, ficará elíptica, o que causará a intensificação de marés altas e baixas que, por sua vez, provocará inundação e refluxo nas áreas costeiras em todo o mundo (Deve ter começado. Veneza já sofreu inundação). Não se trata de tsunamis localizados, mas de algo muito mais devastador para todos os litorais do planeta. "Donde a recomendação para fugir para as montanhas em Mt 24,16".


“Ele enviará seus anjos com uma grande trombeta; ao seu toque, reunir-se-ão os eleitos dos quatro cantos da Terra, de uma extremidade a outra dos céus.” (Mt 24, 31)

Impossível não se lembrar aqui da cena dos cinco acordes emitidos pela nave alienígena no filme de Steven Spielberg, “Contatos Imediatos do Terceiro Grau”, em resposta ao solfejo desses mesmos acordes emitidos pela torre de controle dos militares americanos em terra.
*
“Ora, quanto àquele dia e hora, ninguém tem conhecimento, nem os anjos do céu, nem mesmo o Filho, mas somente o Pai.” (Mt 24,31)
Os acontecimentos profetizados estão acontecendo quase dois mil anos depois deste anúncio. Seria demais exigir de Jesus uma data precisa, já que os calendários disponíveis eram precários e os calendários, maia e gregoriano, só viriam a ser conhecidos muitos séculos depois. Além disso, os discípulos que lhe perguntaram a esse respeito esperavam que os acontecimentos mencionados acontecessem dentro em pouco e, portanto, não tinham a menor idéia do que Jesus estava falando.
Vale a pena lembrar que o calendário juliano, implantado por Júlio César no século I a.C, era pouco preciso e acumulou erros crescentes na entrada das estações do ano. A decisão de implantar um novo calendário foi do papa Gregório XIII, no final do século XVI. Ironia do destino, sua feitura foi encomendada a sábios da época que basearam seus cálculos no sistema heliocêntrico de Copérnico, tornando o calendário gregoriano muito mais preciso do que o seu anterior. Como nada entendia de astronomia, Gregório XIII sancionou-o. As condenações de Giordano Bruno e de Galileu pela Inquisição, no século seguinte, poderiam ter sido evitadas se tivessem se lembrado que o calendário gregoriano sancionado pelo papa anterior tinha se baseado nas hipóteses de Copérnico.
O calendário maia só veio a ser conhecido pelos europeus depois da descoberta da América. Quando finalmente foi decifrado, mostrou-se muito mais preciso do que o calendário gregoriano. As perguntas que se colocam são: Como foi que os maias chegaram a ele ainda no século VI a.C.? (É esse calendário de origem misteriosa que nos deu a data de 21/12/2012, data em que se encerra). Teriam os maias sido informados das passagens periódicas de Nibiru pelo sistema solar? Informados por quem? No dizer de Shakespeare em “Hamlet”:

“Há mais coisas entre o céu e a terra do que sonha a nossa vã filosofia.”
*
“Nos dias antes do Dilúvio, todos comiam e bebiam, homens e mulheres se casavam, até que Noé entrou na Arca. E nada perceberam até que veio o Dilúvio e arrastou a todos. Assim também acontecerá na vinda do Filho do Homem. Dois homens estarão trabalhando no campo: um será levado e outro será deixado. Duas mulheres estarão moendo no moinho: uma será levada e outra será deixada. Vigiai, portanto, pois não sabeis em que dia virá o Senhor.” (Mt 24,38-42)

Antes de comentar a passagem acima, que encerra as nossas considerações, vamos nos referir ao desaparecimento da Sra. Beatriz Joanna no Santuário de Aparecida no dia 21/10/2012 em questão de minutos, sem deixar pistas, enquanto o marido comprava presentes numa loja de souvenires. O episódio vem sendo tratado como uma ocorrência policial, mas até o momento não se tem notícia de seu paradeiro.
Venho acompanhando a trajetória de Nibiru ou Planeta X desde 2009 e que deve ter um ponto crítico para nós em 21/12/2012, com todas as conseqüências possíveis e imagináveis. Estou plenamente convencido que se trata hoje de um “segredo de Estado” ultra bem guardado, pelo menos no que se refere às chamadas “grandes potências mundiais”, que mantêm os povos na ignorância dessa ameaça ao nosso planeta. Talvez não haja alternativa e tenha de ser assim mesmo. Mas também estou plenamente ciente de que existem “forças celestes” que acompanham os acontecimentos e estão preparadas para ajudar a humanidade nessa transição, em sintonia com a mais alta hierarquia espiritual do nosso mundo.
Em conseqüência do que acabo de expor, ocorreu-me de imediato que a Sra. Beatriz Joanna pode ter sido resgatada devido aos méritos de sua vida religiosa, como parte de um plano mais vasto de ajuda à humanidade para se recompor da hecatombe em bases mais sólidas do que as atuais, passados seus efeitos. É a esses resgates que a passagem acima parece se referir (Não se trata de abduções, que são seqüestros perpetrados por alienígenas menos evoluídos para experiências genéticas com seres humanos, até onde se sabe).

As pessoas acham que certos “milagres” só foram possíveis nos tempos bíblicos, quando Deus teria então revelado toda verdade aos homens; mas que no mundo moderno, com o “progresso da ciência”, estão fora de moda. Só teriam sido usados por Deus para dar credibilidade às “verdades reveladas”. Basta agora que acreditemos nelas, tal como nos é ensinado pelas “autoridades religiosas”. “Arrebatamentos” tal como o de Elias (2Rs 2,1-18) e o de Felipe (At 8,26-40), por exemplo, já não seriam mais possíveis nos dias de hoje... Mas para Deus na Bíblia e para os “deuses astronautas” em todos os tempos, isto parece ser mais do que possível.
Chamo também a atenção para a ligação que a passagem faz entre a descrença geral antes do Dilúvio e a dos dias de hoje sobre os acontecimentos previstos para o dia 21/12/2012.

É “crucial” lembrar que Jesus nos “salva” pelo conjunto de sua obra: seus exemplos, ensinamentos e profecias, “a fim de que o Cristo seja formado em nós” (Gl 4,19).



Fernando Om

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

A Derradeira Postagem

Estamos no início do mês de novembro de 2012... Existe em nós uma sensação de que algo colossal se aproxima!... Impressão por ler tantos relatos que para a maioria absoluta não interessa ou não passa de especulação? Não! É algo que vem do espírito; é um sentimento de alerta e de expectativa onde as perguntas silenciosas questionam... Será que acontecerá realmente? Se houver cataclismos, será muito doloroso e aterrorizante vivenciar estes desastres?... Penso que esta é a derradeira postagem neste Blog. Sinto que não há mais tempo para uma próxima postagem... Tudo acontecerá de repente... Não haverá avisos, apenas o espanto que penetrará nosso íntimo quebrando a expectativa e a inércia do nosso ritmo e nos arrebatando da mesmice de nossas vidas, tão repetitivas quanto monótonas, com algo tão irreal, quanto aterrador... Será quando alçarmos nossos olhares ao firmamento e depararmos no vórtice celeste, bem diante dos nossos olhos, quase que incrédulos um bólido colossal vindo à direção deste planeta...


Chocante!...

Um bólido tão visível quanto o sol, porém ameaçador e tenebroso... Apenas poderemos observar!... Correr? Pra onde?... Quisera eu estar enganado. Seria ótimo não ter que enfrentar uma situação tão estressante quanto aterradora!...


Mas sabemos que bilhões de seres humanos sobreviverão às hecatombes, sabemos que o NOSSO MUNDO, NÃO ACABARÁ”! Passará por uma reforma, um re-start, para recomeçar vigoroso com uma nova civilização que ora está sendo implantada. Os novos habitantes farão deste planeta, a terra dos nossos sonhos!...


Caros leitores,

Expressei acima não só o meu sentimento, mas um sentimento generalizado, compartilhado com milhões de habitantes deste planeta que pesquisam e sabem que estes acontecimentos se realizarão... Fizemos um estudo e o apresentaremos num trabalho em desenho e o editamos fotograficamente, para mostrar o porquê dos avistamentos da “Estrela Anã” Nibiru que ora está sendo fotografada e filmada em diversas partes do planeta.


Apresentaremos abaixo não só o nosso comentário com este estudo, mas também filmes reais,pesquisados a dedo com a comprovação deste imenso objeto celeste saindo por detrás do sol e vindo à direção da órbita da terra!...


Aviso! Ele não se chocará com a terra ou com nenhum outro planeta do nosso Sistema Solar. A sua influência será eminentemente magnética e gravitacional.

Queremos ainda evidenciar o seguinte: 

Efeito de Redundância em Fotografia

1) Muitos dos filmes exibidos, não são verdadeiros apesar da intenção de quem os posta ser honesta. O grande problema é que os amadores esquecem-se de que quando o sol incide sobre a lente da câmera provoca um efeito de redundância, reprojetando o reflexo do sol, como se fosse outro sol menor. Muita gente andou filmando apenas reflexos da sua própria câmera. Contudo, isto não invalida outras filmagens e fotos que escolhemos, pois sabemos que nestes casos não houve registro dos reflexos. Entretanto, o ideal é fotografar ou filmar com filtros, sobretudo, filtros infravermelhos que não só mostram com nitidez o astro intruso, quanto inibem a projeção do reflexo. É recomendável filmar pela manhã bem cedo ou no pôr do sol, pois os vetores das linhas de fótons passam tangentes sobre a lente, desviando estes reflexos o suficiente para que não haja o efeito de redundância.

Mesmo filmagens onde o reflexo é evidente, deve-se observar o seguinte: Caso quem esteja filmando
“mexa com a câmera” para evitar o reflexo, mas no fundo aparecem dois sóis cujas posições permanecem imutáveis e guardam as mesmas distâncias em qualquer posição da câmera, pode-se crer mais ainda que a filmagem é real, pois somente o reflexo pode “dançar” na tela, mas os sóis, não!
Vi na internet algumas filmagens assim!...

Mais abaixo estaremos postando um depoimento de um fotógrafo profissional e astrônomo que nos mostra as melhores condições de se fotografar ou filmar este “astro intruso”!

2) Fotos mostrando Nibiru à noite: Impossível no momento. Ele encontra-se ao lado do sol!



Plano Translação Planetário - Sistema Solar

Eis abaixo o trabalho de compreensão da órbita de Nibiru:

Todos os que leram este blog já sabem: Nibiru é uma estrela anã-(vermelha ou marrom) cujas dimensões são variáveis segundo os estudiosos já que dados oficiais são praticamente inexistentes em função do “Segredo dos Estados”. Vai desde o tamanho de Saturno a quatro vezes maior que Júpiter. Pelo que se vê hoje através de fotos autênticas este objeto cósmico é algo descomunal. Fizemos comparações com Júpiter, dando naturalmente o devido desconto da distância de Júpiter e a proximidade de Nibiru do Sol. Pelo que avaliamos este monstro pode perfeitamente ter em torno de quatro vezes o tamanho do Júpiter!... (Assim, estamos reavaliando as dimensões de Nibiru, que antes pensávamos que fosse do tamanho de Júpiter).

Entretanto o que mais importa a nós é a sua influência sobre a Terra.
Como se trata de estrela altamente massiva com alto poder gravitacional e gigantesco campo magnético, este objeto influencia violentamente qualquer outro astro a que ele se avizinhe, seja Júpiter, o próprio Sol ou o pequeno Planeta Terra!...

A noção que temos agora é que ele no seu contorno em volta do Sol, se estendeu adiante, cerca de uma e meia U.A.  ou cerca de 225 milhões de quilômetros). Ele está agora há cerca de um pouco mais que uma U.A. da Terra.
Obs.: (U.A.=Unidade Astronômica: Distância da Terra ao Sol ou 150 milhões de quilômetros).

Há muita controvérsia quanto esta questão. As pessoas estão ansiosas querendo observá-lo agora ou fotografá-lo. Outras não entendem como ele poderá ser visto por todos, seja em qualquer hemisfério do planeta. Mas todos nós o veremos!... Devido essa incompreensão de formar [digamos], “uma ideia cósmica desse plano de transição”, construímos um modelo de desenho fotográfico para ajudar nesse entendimento.

Abaixo colocaremos quatro representações fotográficas para apresentar o ângulo de visão de quem está na terra; a suposta posição atual desse objeto; o tamanho do seu campo magnético.

Informamos que "estas fotos estão em Alta Definição". Para vê-las maiores, click sobre a foto com o botão direito do mouse. No menu, escolha: "Abrir link em uma nova guia" ou "Abrir link em uma nova janela". Depois basta clicar na nova guia ou janela  e verá a foto em tamanho grande.

1ª Foto: Vista Lateral do Plano de Transição de Nibiru.


Neste primeiro arranjo, vemos o plano de translação dos planetas do nosso Sistema, incluindo em destaque a Terra. A órbita elíptica que vemos em vermelho é a órbita de Nibiru e a provável posição dele no momento, saindo detrás do sol e se preparando para deixar o Sistema Solar. O tempo que levará para sair do Sistema Solar é em torno de quatro anos. Esta posição que Nibiru se encontra, é chamada de “periélio”, ou seja, a menor distância que este astro pode tangenciar o sol. Neste momento ele está com menos de 200 milhões de Km da Terra.


2ª foto: Vista Frontal da Órbita de Nibiru




Temos aqui uma vista frontal ao sol. Podemos observar que Nibiru está saindo de trás do sol e seguindo sua órbita elíptica e descendente em 30°. Acreditamos que num determinado momento, sua órbita irá cruzar a da terra, numa situação em que a Terra ficará muito próxima dele. Nós estimamos que este acontecimento se dê em 21 de dezembro de 2012.

3ª foto: Tamanho do Campo Magnético de Nibiru


Esta 3ª foto, nos mostra o “tamanho do Campo Magnético de Nibiru”. É gigantesco, pois o seu diâmetro equivale a oito vezes a distância da terra ao sol. Como ele é altamente “massivo”, o mesmo possui além desse poder magnético todo, também um alto poder “gravitacional”. Caso se aproxime da terra, só Deus sabe as consequências, pois se de longe ele já provocou tsunamis, terremotos e ativação de vulcões, é muito provável que desta vez, e tão perto, nossa imaginação se recuse a visualizar os estragos!

No comunicado anterior descrevemos o seguinte:

“Foi por volta de 2002, relatos não precisos, (isto porque esta informação é segredo de estado dos governos) dão conta de que Nibiru entrou no âmbito do Sistema Solar, ou seja, quando ele tinha uma distância equivalente à de Saturno ao Sol (relativamente à influência do seu Campo Magnético)”.
Ou seja, o campo magnético dele tocou na órbita de Plutão, dois anos antes dele mesmo fisicamente chegar lá! Na foto acima, pudemos representar esta ideia, veja!

4ª foto: Nossa Visão de Nibiru a partir do solo do Planeta Terra


Nesta foto nós quisemos mostrar porque se pode ver (a partir de agora) o Astro Intruso Nibiru. Tudo tem haver com a inclinação da sua órbita que é 30°. Quando ele se projeta para além do sol para fazer o seu retorno, o mesmo vai a uma distância de (em torno de uma e meia u.a. ou {+/-} 225 milhões de km) além do sol. Assim, digamos, ele fica mais alto que o sol relativamente à sua inclinação e ao plano onde se situa a Terra. Então, é possível vê-lo com facilidade.

Observe a sua órbita no pontilhado vermelho. Atualmente ele aparecerá com a cor amarela do nosso sol porque ele está recebendo luz frontal do sol relativamente ao nosso ponto de vista. 


Na figura nós projetamos a abertura do ângulo de visão a partir da Terra em apenas 40º a título de ilustração, para que a visualização se tornasse mais assimilável. Contudo, essa abertura chega a praticamente a 180º, pois se pode visualizar o sol de onde estivermos desde que estejamos pisando no solo do planeta Terra!

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨


Fotos Mais Autênticas...

Foto [1]: Hemisfério Norte – Rússia


Foto [2]:
Também obtida na Europa, Portugal. Visível acima do Sol Nascente




Foto [3]: Foto Obtida na Amazônia. Pôr do Sol


Esta foto tem algo de sensacional! A autenticidade dela é perfeita. Nibiru estando atrás do Sol e considerando-se a sua elevação máxima referente à inclinação de 30º, pode-se observar que o degradê da intensidade luminosa que incide sobre a sua face, torna sua parte inferior mais luminosa e quase esbranquiçada e a superior mais escura projetando a sua própria sombra neste ponto. Devemos considerar que apesar de Nibiru possuir luz própria, devido à sua proximidade com o Sol ela não faz face à intensa luminosidade do Sol tornando sua fraca luz, opaca ou nula!...



Foto [4]: Nibiru – O Segundo Sol 
(por Starviewer)

Análise por Starviewer:

A foto que você estava esperando. 25 de outubro de 19.35 hs. Pedruchillo Localização: La Manga del Mar Menor. Murcia - Espanha. 

Esta foto corresponde à filmagem do evento G1.9STV (Nibiru). Na foto você pode ver um evento, e adicionalmente a radiação, um pulso circular violeta (o pulso "G".)

A foto foi tirada por um voluntário que desconhece totalmente a lógica das sequências intermediárias de pulsos "G". O evento só pode ser fotografado em condições objetivas. =. 5 minutos antes do pôr do sol completo. 1,5 minutos antes do pôr do sol em latitudes setentrionais (ao norte).

Em outros lugares, existe a possibilidade de capturas durante os 1:40" (segundos) antes de a oclusão do sol acima, em termos populares. O evento podem ser fotografados somente quando realizada antes de 45 minutos antes do pôr do sol, desde que fique claro de nuvens e eventos químicos similares às nuvens "Chemtrails".

O evento foi analisado, e as ondas eletromagnéticas podem ser observadas (Pulsos "G") em torno do evento.

Em seguida, publico a fotografia. Única e autêntica. A toda prova. A toda a censura. "O empírico não é racional e o racional nem sempre é empírico"

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨



Vídeos mais Autênticos


Como penso que nos resta pouco tempo, resolvi publicar não só os vídeos com filmagens mais autênticas, como também verdadeiras “reportagens amadoras”, mas altamente significativas para o evento que se aproxima. São filmes que retratam o cotidiano “anormal” em várias partes do planeta devido às alterações das condições climáticas as quais sabemos provocadas por Nibiru. Todas elas foram selecionadas cuidadosamente. Há pelo menos uma na qual o apresentador coloca sua opinião e vaticina o “fim de tudo” para o planeta. (Ele se impressionou demasiadamente com a sua descoberta). Portanto, basta olvidarmos sua posição, pois, o que é apresentado é bem coerente com a nossa finalidade. A nossa opinião continua sendo de que “O Mundo não vai Acabar”! Nós temos convicção absoluta dessa afirmativa.


Vídeo [01]: Comprovação Técnica da Presença de NIBIRU (Prova Técnica – 18 minutos) 

Trabalho de um brasileiro do Rio de Janeiro de forma muito competente. Infelizmente não conseguimos o nome do autor. Veja este estudo sério, claro e objetivo. São 18 minutos de projeção e explicações tão bem conduzidas que você nem sentirá esse tempo passar! (Vide Abaixo)








Vídeo [02]: Possíveis Sinais dos Fins dos Tempos (Documentário – 19 minutos)

Uma série de fatos desconcertantes e absolutamente incomuns foi registrado neste vídeo produzido nos Estados Unidos. Sua referência é: Novos possíveis sinais que o mundo está chegando ao fim (Espécies mortas, aquecimento global, sons estranhos sendo ouvidos e muito Mais).

São 19 minutos que você deve assistir, pois ele retrata um conjunto de fenômenos os quais reunidos, nos mostram a partir de uma visão geral que algo está acontecendo!... São situações inéditas e bizarras... Vale a pena assistir. Não se importe com o inglês falado. Você entenderá! (Vide Abaixo)







Vídeo [03]: Depoimento de Samael Aun Weor
(Documentário - 3 minutos)

Depoimento obtido na década de 1970 de Samael Aun Weor (1917-1977), ocultista colombiano fundador do gnosticismo samaelino. Samael Aun Weor, pseudônimo de Victor Manuel Gómez Rodríguez, (Girardot, Cundinamarca, 06 de Março de 1917 — Cidade do México, 24 de Dezembro de 1977) foi um escritor, doutrinador e professor de ocultismo. Foi o reformulador dos conhecimentos apresentados pela Gnose escrevendo um novo tratado de ocultismo no qual cita ensinamentos contidos no budismo, hinduísmo, rosacrucianismo e teosofia constituindo a base do gnosticismo samaelino Contemporâneo. Também fundou o Instituto Gnóstico de Antropologia e escreveu mais de setenta livros. (Vide Abaixo)






Vídeo [04]: Dois Sóis vistos em todo o Mundo.
(Prova Visual - 15 minutos) (Vide Abaixo)






Vídeo [05]: Vídeo obtido na Índia.
(Prova Visual - 2 minutos)  (Vide Abaixo)

A meu ver, este é um dos mais importantes e sensacionais vídeos registrando Nibiru. Este vídeo comprova sem sombra de dúvida a presença do 2º Sol. O Vídeo foi feito no interior de um trem, na Índia!









Vídeo [06]: HERCÓLUBUS - ELE CHEGOU E PESSOAS POR TODO MUNDO ESTÃO VENDO (Prova Visual - 15 minutos) (Vide Abaixo)

Ótimo conjunto de provas nessa montagem que reúne vários registros, (todos autênticos) ao redor do mundo!

[Abaixo, considerações do postante do vídeo - Blogger].

No “Youtube” constam milhares de vídeos registrados em diversos países, mas mesmo assim o "cego" o "ignorante" que, ANTECIPADAMENTE, está reticente aos fatos e comprovações! Certamente ele optará pelas justificativas mais absurdas e até ridículas, que contraria, inclusive, o que seus olhos veem.










Vídeo [07]: HERCÓLUBUS Transição Planetária
(Documentário- 6 minutos) (Vide Abaixo)

[Abaixo, considerações do postante do vídeo - Blogger].

Publicado em 29/04/2012 por mxvenus

Hercólubus já se faz visível em alguns lugares do mundo, sendo confundido como “segundo sol”.

Estamos vivendo um momento único no planeta Terra. Estamos a ponto de evoluir para uma nova forma de viver, de pensar, de se relacionar um com os outros. É o que chamamos de sairmos de um "mundo de provas e expiações" onde o caos e a dor prevalecem para entrarmos num "mundo de regeneração" onde o amor incondicional fará parte de nossas vidas. Também estamos perto de adquirir a consciência de que somos espíritos eternos e que possuímos um numero infinito de irmãos cósmicos. E esta transformação, mesmo que traga dor em curto prazo, será um importante passo na evolução espiritual de todos que estiverem encarnados neste momento.
Que fique bem claro: não haverá "O Fim do Mundo", mas o início de um novo mundo, de uma nova civilização, de uma nova humanidade.









Vídeo [08]: NIBIRU e o Expurgo Planetário
(Documentário e Opinião - 5 minutos) (Vide Abaixo)

[Abaixo, considerações do postante do vídeo - Blogger]

Publicado em 08/08/2012 por rcnarena.

Nesta nova edição do programa "Ciência e Espiritualidade", o entrevistado Claudio Zanatta volta a abordar o tema Transição Planetária. Ele reitera que pessoas com tendências morais reprováveis não mais reencarnariam na Terra, em situação similar ao que ocorreu com os "Exilados de Capela". Um dos destinos prováveis para tais espíritos seria o Planeta Nibiru.






Vídeo [09]: Nibiru visível no Reino Unido 15 de outubro de 2012 - Imperdível!
(Prova Visual - 1 minuto)  (Vide Abaixo)

Este é um dos vídeos mais autênticos. Sua autenticidade vem justamente por ele apresentar os reflexos da câmera. Como tornamos evidente nas considerações iniciais ele guarda todas as explicações colocadas sobre o “efeito de redundância”. Observem.







Vídeo [10]: Nibiru! Onde ele está? (resposta)
(Documentário com slides e a música “O Segundo Sol” de Cássia Eller - 4 minutos)(Vide Abaixo)

Excelente montagem e apresentação
Publicado em 27/09/2012 por “Verdade Oculta









Vídeo [11]: BBC de Londres! Quebrando Evidências!
(Prova Visual - 5 minutos) (Vide Abaixo)

Excelente vídeo como prova visual. Há reflexos da filmadora, mas as condições filmadas respeitam e fortalecem as explicações iniciais desta postagem sobre o (“Efeito de Redundância”) tornando a evidência, mais autêntica possível e enaltece o filme como prova significativa da existência de Nibiru!!








Vídeo [12]: Ultimas Noticias Nibiru Hercólubus PARTE-2 (Segundo Sol) por André Luiz Ruiz 
(Documentário e Opinião - Palestra) (Vide Abaixo)

Vale a pena assistir. Tudo este famoso médium kardecista coloca tem eco na ciência contemporânea. Não deixe de assistir.
(25 minutos) 








Vídeo [13]: Urgente: Coordenadas do Planeta Hercólubus ou Nibiru
(Prova técnica com opinião catastrofista radical. A prova não deve ser desprezada. Vale a pena assistir). 
(2 minutos) (Vide Abaixo) 






¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨




Outras Informações


Abaixo, manchete de jornal argentino sobre a aparição de Nibiru!





Muito outros importantes veículos de comunicação noticiaram a respeito como BBC, CNN, NBC e outros jornais do mundo inteiro, franceses, russos e até chineses.


Nossa Posição Final





<!--[if !vml]--><!--[endif]-->

Ivan Varella
Só faremos nova postagem após esta, se algo muito extraordinário acontecer. Fora isso, acreditamos que esta é de fato ”A Última Postagem”. Se nada ocorrer, vamos presumir que não erramos nem nos enganamos. Nosso mundo é o que é hoje, graças ao pensamento humano lógico. Com a lógica e a inteligência, arrancamos os elementos do chão, os manipulamos; os transformamos nos dispositivos que estão nas mãos de praticamente todos os habitantes do planeta trazendo todo o tipo de conforto e facilidades. Automóveis, aviões de centenas de toneladas de peso que transportam milhares de pessoas, comunicação instantânea, enfim, tudo de moderno que você manipula e utiliza. Vasculhamos os "confins do universo" e então pudemos entender a grandiosidade do eterno e o infinito das nossas possibilidades e da nossa inteligência. Foi com essa mesma lógica, pensamento lúcido, que busquei incessantemente por esta verdade.


Anos de pesquisa meticulosa, centenas de provas obtidas pelos mais variados meios, quando devemos lembrar que milhares, senão milhões de pessoa como eu, passaram a pesquisar e compartilhar as suas descobertas, espalhando os indícios de um acontecimento raro e único, algo que transcende a capacidade humana de conceber e aceitar, o qual, se ocorrer, muitos não sobreviverão para ver "o outro lado da moeda". Vivo sereno e convicto quanto a tudo que publiquei.

Usei todo o meu conhecimento técnico como também todo o meu conhecimento espiritual, assim como a minha fé lógica e raciocinada sem desprezar a minha “intuição”, além de 30 anos de pesquisa relativamente a este tema.

Caso não ocorra nada, eu serei um dos primeiros a comemorar! Enganam-se aqueles que pensam que ficarei constrangido pelo abismal engano. Não! Trabalhamos muito bem todos os indícios. Somos naturalmente curiosos e pesquisadores. Isto está no sangue! Não há em nossa mente um resquício sequer de fanatismo ou cegueira obsessiva!

Penso que; “pelo sim ou pelo não”, é melhor tomarmos nossas precauções. Isto é um pensamento coerente para um momento capital!  

Vivemos um momento auspicioso, onde qualquer um de nós pode trabalhar o seu pensamento e colocá-lo para milhões. Estamos na “Era da Informação”. Todo o conhecimento neste tempo é compartilhado e informado para bilhões de serem humanos quase que instantaneamente. Eu vivo e participo ativamente desse tempo com muita satisfação. Aprendi a manejar praticamente todos os dispositivos modernos a fim de colocar o meu pensamento e a minha mensagem.

Ressalto que essa ânsia de participar as informações a partir do nosso ponto de vista, visa unicamente ajudar as pessoas a se conscientizarem dos perigos tão próximos. Perigos esses que somente poucos têm consciência. Este é o nosso objetivo. Somos um daqueles que estendem as mãos para ajudar; para resgatar a atenção de cada um do perigo tão próximo. O Blog estará aberto para suas manifestações. Basta clicar fim de cada postagem onde está “Nenhum Cometário  Ou “x comentários” e faça o seu!...

Eu desejo profundamente estar absolutamente errado quanto a isto. Entretanto, no fundo do meu coração sinto que estes acontecimentos, infelizmente se realizarão sim! As prova foram colocadas acima. Cada um que as leu e assistiu deve saber o que fazer com elas. Eu fiz a minha parte.

Belo Horizonte, 05 de novembro de 2012.

Ivan Varella 


quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Transe e Comunicação


 Zona de  Resgate para Estrangeiros no Brasil.
(Referente ao retorno de Nibiru)                     



Local: Rio São Marcos Fronteira de Minas Gerais com Goiás.

Eu nunca tive “coragem” de publicar esta história que edito abaixo. Confidenciei a amigos e parentes mais chegados. Por se tratar de algo íntimo e de convicção pessoal, tratei essa informação como uma mensagem exclusiva e direcionada somente a mim. Entretanto, devido ao “adiantado da hora”, resolvi colocar neste blog este conhecimento/informação. Não peço a ninguém que aceite como uma prova da qual nem eu mesmo tenho absoluta certeza, ou seja, uma comunicação que vá se realizar efetivamente. A coloco aqui, devido às condições desse transe. Foi algo tão real e tão bizarro que mesmo acordado, olhando ao redor, eu via o meu quarto e também essa projeção tridimensional, plenamente interativa quanto ao ambiente em que eu estava e também devido a uma “certa lógica informada”, tais como locais; nomes e a coerência das informações obtidas...

Eis a história:

Eu me encontrava em uma pequena estrada de chão batido de 3 metros de largura. Era uma estrada com pequeno declive na direção para onde eu caminhava. Eu estava vestido com uma calça muito larga, branca e curta de algodão batido. A camisa era do mesmo material e o cinto também. Essa roupa era semelhante à roupa usada por um lutador de judô; tipo um quimono de luta. Eu estava com uma sandália comum.

Na margem direita e a perder de vista, centenas de “barracas do exército” uma ao lado da outra.  Na margem direita também. Percebi que havia várias ruas assim. Ao meu lado caminhava um homem muito alto, quase 2 metros de altura. Ele usava uma espécie de “túnica” de cor branco-leitosa brilhante, semelhante a seda. Na sua túnica na parte superior, no peito, abria uma gola do tipo “V”. Seu tipo era altivo. Andava muito ereto.

Tinha cabelos compridos loiros e olhos azuis, um rosto sereno que exalava uma paz, uma serenidade inaudita. No caminhar, ele se colocou à minha direita. Depois de caminharmos cerca de 50 metros. Ele parou rodeou-me e se colocou à minha esquerda. Percebi que eu deveria girar 180º para “voltar”. Até aí, não houve diálogo. Contudo, no retorno, observei que a 50 metros havia um “risco preto” que passava perpendicular à pequena estrada que estávamos e que desaparecia por detrás das primeiras barracas. Foi assim que pude avaliar a distância que caminhei.

Então me dirigi àquele ser e lhe perguntei:
- O que é aquele “risco preto” ali na frente?
Com voz suave me respondeu:
- Aquele risco preto é uma estrada. – respondeu.
Incrédulo, insisti:
Aquilo é uma estrada, mas como? – Ele me respondeu:
- Sim, devido a esse declive apenas vês um risco preto. (Compreendi)!
- Vamos caminhar para ela. – Convidou.
À medida que caminhamos, aquele risco foi se alargando e aos poucos pude perceber que era de fato uma estrada asfaltada. Lá chegando, perguntei-lhe:
- Que lugar é este?
- Aqui é a BR-040 que liga o Rio de Janeiro à Brasília!
- Não me surpreendi apesar de não compreender o que fazia ali.

Sobre a estrada, caminhamos em direção a Belo Horizonte. A uma distância de 100 a 150 metros, vi uma multidão de pessoas avançando em nossa direção. Deviam ser 1000, duas mil pessoas. Era tanta gente que não havia espaço na estrada asfaltada para todos que vinham à frente. Havia muita gente caminhando às margens da estrada... Eles foram diminuindo sua marcha e nos também até nos aproximarmos parte a parte. Eles pararam e nós também. Pude observar que estas pessoas não eram do Brasil. Eram todos muito loiros, altos e magros; tanto homens como mulheres e crianças. Eram famílias inteiras que logo percebi serem estrangeiras. 

Perguntei ao meu acompanhante quem eram aquelas pessoas. Ele me informou que eram pessoas “resgatadas” em nações que pertenceram ao ex-bloco soviético: Rússia, Ucrânia, Letônia, Estônia, Lituânia. Ele então me fez um gesto com a cabeça em direção a um grupo de pessoas. Vi uma família. Um homem alto de terno marrom, todo “amarrotado”, gravata repuxada. Segurava na mão direita uma mala marrom.  Parecia que eram os únicos pertences trazidos naquela mala. Seu rosto vincado e olhos distantes mostravam a intensidade da sua expectativa e do seu stress... 
Ao seu lado esquerdo estava a sua esposa segurando o seu braço e com a mão esquerda segurava o seu par de sapatos de “salto alto”! Ela estava descalça. À frente dos dois, duas garotas loiras que aparentavam ter entre 10 e 12 anos. Fiz-lhes um gesto para que me acompanhassem. Eles me seguiram até aquela rua que estávamos anteriormente. (Havia muitas ruas assim. Era um imenso acampamento). Lá chegado, ofereci num gesto com as mão que podiam escolher a barraca que quisessem. Ele escolheu a primeira, a mais perto da estrada asfaltada. As filhas ficaram na barraca ao lado!... Eles entraram e eu me retirei. O transe acabou!

Era um domingo pela manhã do ano de 2001, (não me lembro do mês), assentado sobre a minha cama, fiquei a pensar sobre “o que foi aquilo”?!!!...

Nessa ocasião, deixei de acreditar em profecias por causa da passagem do milênio e nada ocorreu! Mas a nitidez, a riqueza dos detalhes, (muitos nem colocados aqui para não estender a narrativa), resolvi que iria entender o significado daquela visão. Passei a contar isso para amigos e parentes, na esperança de que pudessem me ajudar. Uma irmã disse-me que aquele homem de túnica era o comandante de uma nave espacial. Não que desacredite que existam, ao contrário! Mas o que eles estariam fazendo no meu transe? Não seria um espírito?

Os anos se passaram e nunca me esqueci dessas visões, até porque é algo tão inédito quanto próximo da realidade que nós nunca nos esquecemos!... Fica como “um trauma”. Em 2008, depois que retomei os estudos sobre profecias e, guiado pelos documentários que passavam no canal por assinatura “National Geographic”, vi pela primeira vez um documentário sobre as Pirâmides Maias. Empolgado, voltei a intensificar a minha tentativa de deduzir o significado daquele “transe”. Nada!

Em fim, em 2011, (dez anos depois), fiz o estudo para publicar no blog a postagem (click aqui->) Como Ficará a Terra em 2013 ”, pude ver o Mapa da Rússia e toda a região circundante! Fiquei estarrecido! Essa região enorme seria tragada pelos oceanos!...

Lembrei o que a minha irmã disse! Era óbvio! Mas a luz do entendimento só se dá quando elementos lógicos se unem para que haja coerência. Foi assim que pude presumir com facilidade que toda aquela gente fora resgatada com “naves espaciais alienígenas” e trazidas para local seguro: O Planalto Central no Brasil!...

O Local é perto da cidade mineira de Paracatu-MG e não distante de Brasília. Perto dali e por mais de 100 km não há um único “campo de aviação” de grande porte e proporcional à quantidade de gente que estava chegando: de mil a duas mil pessoas de uma vez. Acredito que nem mesmo o aeroporto de Brasília seria capaz de receber tanta gente ao mesmo tempo.

Fora isso, eles estavam vindo da direção de Belo Horizonte, rumo a Brasília, a pé!


Eis o que vi. Conclui que eu era um “voluntário” para receber estrangeiros no Brasil. Isto não significa que cidades do interior do Brasil possam ser arrasadas.  Sabemos que somente o litoral do Brasil sofrerá profundamente.

Coloco esta estranha história para que os leitores possam tirar suas conclusões por si mesmos. Eu já tirei as minhas.

“A quem possa interessar, eu tenho muita vontade de poder representar esta história com gravuras do tipo “quadrinhos”. Apelo a que saiba desenhar e quiser ou puder colaborar criar esta mesma história em quadros (pelo menos os parágrafos mais importantes). Então eu os inseriria diante daquele trecho descrito. Naturalmente, eu farei a divulgação do copyright do colaborador artista. Agradeço a boa vontade desde já”.


Identificação dos possíveis locais com o Google Earth

Abaixo, coloco fotos tiradas do Google Earth sobre a possível identificação dos locais.  Vejam.

Este é o Rio São Marcos. Ele determina a divisa entre Minas Gerais e Goiás. Coordenadas deste ponto: 17° 2'4.31"S e 47° 9'45.79"O. Você pode achar no Google Earth.
Nota: As fotos estão em "Alta Resolução". Portanto, você pode clicar com o botão direito do mouse sobre a foto. Na pequena janela, escolha no menu:  "Abrir link em uma nova guia" ou "Abrir em uma nova janela" depois click na guia ou janela e terá as fotos ampliadas. Pode-se fazer isto com todas as fotos deste blog.

Este é o Ponto de Refúgio 1 – É o ponto onde penso que vi no transe. Estado e Minas Gerais. Coordenadas deste ponto: 17° 2'25.27"S e 47° 8'55.95"O





















Este é o Ponto de Refúgio 2 – É o ponto que senti que também será ocupado. Estado de Goiás. Coordenadas deste ponto: 17° 1'36.53"S e 47°10'36.52"O
Atenção: Você pode ir no local pelas coordenadas fornecidas. Depois use o "Street View" e poderá visualizar a região fotograficamente como se estivesse no local!

Outros dados:

Locais próximos dos pontos de resgate:

Cidade de Paracatu – Minas Gerais: Está a 40 km do primeiro ponto. Esta cidade possui um aeroporto cujo comprimento da pista é de 1,5 km.

Cidade de Cristalina – Goiás: Está a 60 km do ponto de resgate nº 2. Esta cidade possui um aeroporto cujo comprimento da pista é de 1 km.

Ambas as cidades estão distantes de Brasília em torno de 200 km.

Fiz esta postagem porque durante muitos anos guardei esta visão. Pode ser que seja apenas uma visão, mas também uma realidade futura que se aproxima celeremente! Informo que outras pessoas já me relataram histórias semelhantes, mas sem um local definido. Se tiver alguém que tenha tido um sonho, transe ou visão de algo similar gostaríamos que se pronunciasse. Pode colocar a sua história nos “comentários” desta postagem.

Belo Horizonte, 02 de novembro de 2012.

Ivan Varella